Atividade Paranormal (Paranormal Activity – Oren Peli, 2009)

Fraco, muito fraco, e a tentativa de tensão crescente falha miseravelmente. sério, era pra eu ficar tenso em ver aquele tabuleiro pegando fogo? em ver um lençol levantando? em ver pegadas de farinha no chão? chego a achar esse filme arrogante demais, ele esnoba todo recurso que o cinema pode oferecer pra poder criar uma atmosfera boa, toda liberdade que tu tem pra criar universos, modificar eles, utilizar elementos reais misturados com ficionais pra poder intensificar a experiência cinema como um todo e etc, simplesmente pra se vangloriar de ser extremamente fiel a supostos acontecimentos reais. Sim, em uma hora da noite uma porta bate, isso poderia ser real. um lençol se movimenta, poderia ser real.. e etc. Isso são acontecimentos com uma capacidade extrema de assustar quando vividos por alguém, quando lidos em algum artigo, quando ouvidos de outra pessoa… Claro que sim, pq aí é sua realidade e como a conhece sendo posta em dúvida. Não é uma mentira. Mas o cinema É uma mentira. É uma mentira consciente e voluntariosa que tu paga para assistir. Esse cara não pode esperar que as duas linguagens do medo se misturem, se confundam. Eu ver na minha casa um lençol se movimentando do nada, eu vou me cagar de medo e correr pra mãe, agora eu assistir um lençol se movimentando no cinema, da forma mecânica que foi, fria, sem clima… é nada. Eu não vou me assustar, eu não vou ficar tenso, ele tem que criar isso, ele tem que criar a atmosfera, o clima… Não jogar na tela coisas que supostamente meteriam medo na vida real achando que vai funcionar também, sem cuidado algum. O cara se da o luxo de abdicar tudo isso. Nossa, é uma vergonha isso aqui.

0/4

Thiago Duarte

O pior filme do ano. Confesso que não estava esperando muita coisa, mas não esperava tanta ruindade. Fica claro o amadorismo (no mau sentido) do filme, algo do tipo “vamos pegar uma câmera qualquer e filmar a esmo, ninguém vai se importar mesmo”, e, nesse caso, estragou toda a ambientação do mesmo. As obveidades do “roteiro” (a cada noite os acontecimentos serem mais “intensos” são tão gritantes que você poderia descrever todo o filme após os 10 primeiros minutos, e toda a enrolação apenas para ver as cenas de suposto “terror” (sim, suposto, porquê elas não te envolviam nem um pouco, graças a obveidade descrita anteriormente) foi uma encheção de saco enorme. E os supostos “atores” estavam terríveis, não dava para simpatizar ou sentir raiva de seus personagens, apenas rir da sua atuação.

E assim temos mais um fenômeno “Bruxa de Blair” sendo que esse é bem pior (e eu acho “Bruxa de Blair” bem ruim).

0/4

Adney Silva

Anúncios

9 Comentários

Arquivado em Comentários

9 Respostas para “Atividade Paranormal (Paranormal Activity – Oren Peli, 2009)

  1. Ok… agora eu me assustei rsrs, pior que Delírios de Consumo de Becky Bloom rsrs ?

  2. Alexandre, não posso responder isso porquê ainda não vi “Delírios de Consumo de Becky Bloom”. O que eu posso dizer é o seguinte: se você não gostou de “A Bruxa de Blair”, com certeza não vai gostar desse…

  3. djonata ramos

    eu diria o seguinte: alexandre de você realmente ama e respeita a sétima arte, não vai gostar disso. a “bruxa de blair” é anoz luz melhor, hein, silvão.

  4. Putz, confesso a vocês que vi uma vez Bruxa de Blair e a muito tempo atrás, e não tive a melhor das impressões.

    Dessa linha de filme “de câmera balançando” eu gostei muito de REC e de Diário dos Mortos.

    Sobre Becky Bloom, faça um bem ao cerébro Adney e NUNCA veja rsrsrs.

  5. caiolefou

    Confio muito mais no que li aqui do que em qualquer outro lugar…

    “era pra eu ficar tenso em ver aquele tabuleiro pegando fogo? em ver um lençol levantando? em ver pegadas de farinha no chão? chego a achar esse filme arrogante demais”

    Sensacional Thiago.

  6. Daniel Dalpizzolo

    O tensor falou a mesma coisa em todas as frases do texto. hehehe.

  7. Thiago Duarte

    que burro que tu é, nada a ver.

  8. Thiago Duarte

    mas pensando bem eu poderia ter escrito tudo em uma frase mesmo, era só dizer que esse cara não pode esperar que filmar pessoas se assustando seja necessariamente algo assustador.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s